slacklinevidaequilibrio
ACHMG tem nova diretoria
Cultura

ACHMG tem nova diretoria

ACHMG tem nova diretoria
José Fernando Aparecido de Oliveira é reeleito presidente da Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais

 

 

Em reunião realizada na tarde desta quinta-feira, sete de fevereiro, na sede da Associação Mineira de Rádio e Televisão, no centro de Belo Horizonte, a Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais (ACHMG) renovou o mandato de sua diretoria para o próximo biênio: 2019-2020. A nova diretoria foi reeleita por aclamação, mantendo o atual presidente, o prefeito de Conceição do Mato Dentro, José Fernando Aparecido de Oliveira; sendo o primeiro vice-presidente o prefeito de Itapecerica, Wirley Reis; e o prefeito de Paracatu, Olavo Condé, como o segundo vice-presidente. Houve uma pequena alteração em relação à diretoria do último biênio, a troca entre as vice-presidências, passando a cidade de Itapecerica para a primeira e a de Paracatu para a segunda.

A nova chapa foi reeleita sendo destacados os trabalhos desenvolvidos nos últimos anos. Entre os presentes estavam prefeitos de 18 municípios integrantes da Associação, além de representantes de 26 cidades que fazem parte da entidade, entre secretários municipais, agentes de cultura e assessores de imprensa.

Muitos são os projetos em pauta para iniciar imediatamente no âmbito da Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais, como a produção do diagnóstico/censo das cidades históricas, apresentando dados precisos de cada município, com informações de população, principais atrativos, arrecadação, fluxo de turismo, investimentos, arrecadação com turismo e patrimônio cultural, manifestações culturais, entre muitos outros dados. Esse diagnóstico servirá para os próximos projetos a serem desenvolvidos em conjunto pelos municípios e a entidade.

O presidente reeleito da ACHMG lembrou “que estamos sendo reconduzidos ao cargo pelo trabalho desenvolvido em parceria com as cidades, secretarias de Estado e grandes veículos da mídia e Associações. Demos uma nova visibilidade para a entidade nesses últimos anos e isso deu resultado nos destinos turísticos das cidades históricas, sempre gerando receita e mídia espontânea. E assim começamos um trabalho que tem que seguir nesse sentido, divulgado o destino turístico que têm muito a oferecer ao turista, a manutenção da cultura popular, além de manter vivo e bem cuidado nosso maior patrimônio histórico, artítstico e arquitetônico, que é também é parte de nossa cultural, identidade e a alma de um povo”, declarou enfático o presidente reeleito da Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais, José Fernando.

Fazem parte da ACHMG os 30 municípios mais antigos e representativos de Minas Gerais. Juntos eles representam 60% de todo o patrimônio histórico tombado no Estado.

Anuncie Aqui Super banner
Cultura

Mais notícias da Categoria Cultura

Sala do artesão completa 1 ano e discute os rumos do artesanato regional

Sala do artesão completa 1 ano e discute os rumos do artesanato regional

Portal Paranaíba 29/07/2019
Inventários reforçam a importância da preservação do Patrimônio Regional

Inventários reforçam a importância da preservação do Patrimônio Regional

Portal Paranaíba 29/07/2019
Fotos de reflexos das ruas são-joanenses são expostas no Sesi Minas Ouro Preto

Fotos de reflexos das ruas são-joanenses são expostas no Sesi Minas Ouro Preto

Portal Paranaíba 14/06/2019
Artigo novo de Petrônio Souza ”A Civilização do Ouro”

Artigo novo de Petrônio Souza ”A Civilização do Ouro”

Portal Paranaíba 29/05/2019
Artigo :  A Belo Horizonte eterna , de Petrônio Souza

Artigo : A Belo Horizonte eterna , de Petrônio Souza

Portal Paranaíba 15/12/2018
III Feira Literária e Cultural do Presídio de São João del-Rei trabalha a cultura do Nordeste

III Feira Literária e Cultural do Presídio de São João del-Rei trabalha a cultura do Nordeste

Portal Paranaíba 07/12/2018